FINANÇAS

RESIDÊNCIA MÉDICA

FACULDADE

SÁUDE MENTAL

CARREIRA

Inteligência financeira na medicina: começando do 0

Inteligência financeira na medicina: começando do 0

Saber organizar as finanças e desenvolver uma inteligência financeira na medicina é essencial para se ter mais liberdade de escolha de condições de trabalho, aproveitamento de tempo e qualidade de vida. Isso vocês sabem!

Mas agora me diz uma coisa:

Você quer poder trabalhar onde realmente gosta e se sente bem ou você quer ter uma alta carga de trabalho e depender de plantões para poder bancar suas despesas?

Além disso, você já pensou como seria ter um tempo livre para poder curtir a família, viajar ou até mesmo praticar um hobby que gosta?

Você já pensou como quer estar no futuro, daqui a 5 ou 10 anos?

Ou seja, a sua vida pode ser mais ou menos flexível dependendo das escolhas que você faz e da sua organização financeira.

Por isso, é muito importante começar desde a faculdade a organizar seus gastos desde o básico mesmo que no momento você ainda não esteja trabalhando durante a faculdade ou atuando como médico

Hoje a gente vai trazer algumas dicas para você começar do 0 a organizar suas finanças e aprender a gerir melhor seus gastos. 

Afinal, para dar um passo maior e começar a investir, antes de tudo é importante visualizar sua renda e suas despesas e aprender a gastar melhor o seu dinheiro. Bora lá?

1- Como organizar as suas finanças

Reserve uma parcela para investimentos

Muita gente acha que primeiro deve-se pagar as contas e o que sobrar, investir.

No entanto, se você fizer isso, pode ser que no final do mês não sobre esse dinheiro para seus investimentos, até porque sempre aparece uma coisinha ou outra que nos dá a tentação de comprar (sem necessidade).

Por isso, é interessante reservar de 10 a 30% do seu salário para começar a investir e, com o restante, pagar as contas. Assim, se sobrar uma graninha, você pode comprar algo extra e se presentear com algo que você goste.

Organize suas fontes de renda

É muito comum que os médicos dêem plantões e trabalhem em vários lugares. No final do mês, a soma dessa receita pode ficar perdida se não for bem organizada.

Por isso, separar o salário que vem dos plantões e hospitais, daquele que vem do consultório, por exemplo, é muito importante para conseguir alcançar uma inteligência financeira na medicina.

Separe os gastos fixos dos variáveis

Para começar a organizar as suas finanças, o primeiro passo é separar seus gastos fixos, ou seja, aqueles que não serão alterados nos próximos meses (água, luz, telefone, mercado, aluguel, plano de saúde, transporte) dos variáveis (viagem, restaurantes, ifood, presentes, roupas).

Veja onde cortar gastos dispensáveis

Depois que você conseguiu visualizar sua receita total, seus gastos fixos e variáveis, agora chegou a hora de rever alguns desses itens que podem ficar de fora do seu orçamento.

Será que aqueles aplicativos mensais que você assina pelo celular são realmente necessários? Ou quem sabe aquelas coisas que você compra e não usa e acabam ficando guardadas? E aqueles pedidos no ifood e jantinhas fora, quanto está saindo no final do mês?

Tudo isso é realmente necessário?

Essas são algumas perguntas que você pode fazer para tentar diminuir alguns gastos que não são tão necessários assim e gastar melhor o seu dinheiro.

Faça escolhas inteligentes

Você sabe o que são escolhas inteligentes?

São escolhas que não vão te deixar escravo do seu dinheiro!

Por exemplo: você tem 100 mil reais e está pensando em comprar um carro. Aí você pensa: “Bom, gostei deste carro que é 150 mil, já tenho 100 e financio os outros 50 mil’’. 

No início pode até parecer uma opção razoável, mas além da parcela destes 50 mil você terá a manutenção e o seguro mais caro também. Além disso, esse carro mais caro irá desvalorizar muito mais rápido do que outros. 

A ideia é: não se afundar em dívidas e financiamentos!

2- Quais ferramentas usar?

Você pode usar usar planilhas ou aplicativos, fica a sua escolha de acordo com as suas preferências!

As duas opções são ótimas para conseguir organizar melhor suas finanças.

Vou deixar aqui a super planilha do Finanças Dominadas pra ajudar vocês com essa organização, fica a dica em! 

3- Tenha objetivos a curto, médio e longo prazo

Quando estabelecemos objetivos seja a curto ou longo prazo, fica muito mais fácil de visualizar o futuro e se empenhar nas finanças e na organização delas. Não é mesmo?

Organizando suas finanças e começando a gastar e investir melhor seu dinheiro o que você gostaria de fazer a curto prazo? Viajar? Ou a longo prazo? Comprar um carro ou um imóvel? 

Afinal, isso é muito importante tanto para você continuar no processo quanto para depois decidir em qual investimento vai começar!

Até a próxima, pessoal!

Marília Damo

 

 

Isso fez sentido pra você? Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Digite o email em que você quer receber o Checklist: