O mercado de trabalho para o recém formado

O mercado de trabalho para o recém formado

“Formei e agora?”

 Muitas vezes nos sentimos pressionados a entrar na residência logo após a formatura. Contudo, existem cenários em que esse não é o caminho almejado: dificuldades financeiras, dúvidas sobre a especialidade, quer ganhar experiência trabalhando.

E tá tudo bem não seguir o “fluxo” dito como normal. Tudo tem seu tempo.

Por isso, vim aqui elencar algumas das possibilidades no mercado de trabalho para você, que quer ter um pouco mais de independência financeira inicialmente e desbravar o mundo médico com seu CRM.

1. Plantão em Pronto Socorro ou UPA

 

Essa é uma das opções mais escolhidas dentre os récem formados no mercado de trabalho.

Isso ocorre devido a flexibilidade de horários.

Então, dando 3 plantões por semana, por exemplo, é possível organizar uma boa rotina de estudos. Assim não se perde o pique de estudos para a residência no ano seguinte. E também ter um bom levantamento de dinheiro.

Porém, esse tipo de trabalho pode, ao mesmo tempo, exigir um pouco mais do seu emocional.

Logo, ao se deparar com casos mais graves e urgentes, é preciso manter a calma para conseguir manejá-los adequadamente. Sem deixar a ansiedade subir à cabeça.

 

2. Unidade Básica de Saúde

 

Trabalhar no famoso “postinho” também é uma das opções mais populares entre os recém formados. 

Aqui os pacientes serão de mais baixa complexidade. E você terá mais contato com a comunidade em que trabalha como um todo, criando vínculos. Costumam ser 20 ou 40 horas semanais, de segunda a sexta. 

Logo, caso você opte por 40 horas semanais e deseje prestar residência e manter os estudos, é preciso disciplina. Poucos serão os dias de descanso. E muitas das vezes você não poderá deixar o cansaço falar mais alto após o dia de trabalho.

Nesse caso, a remuneração costuma ficar entre 8 a 12 mil reais por 40 horas. Mas isso pode variar de acordo com a prefeitura local.

 

3.  Medicina do Trabalho

 

Se você busca por uma carga horária ainda menor, aqui está uma boa opção. Muitas são as empresas que contratam um médico do trabalho. E os turnos são de cerca de 5 horas por dia. 

Assim, na sua rotina você realizará atendimentos de admissão de novos empregados, avaliando a saúde dessas pessoas. Também terá que lidar com acidentes de trabalho, e consultas anuais de rotina dos funcionários.

Por isso, costuma ser um trabalho bem tranquilo e de fácil conciliação com os estudos.

 

4. Forças Armadas

 

Para quem estiver interessado em servir às Forças Armadas, existem 2 opções possíveis.

Todo médico recém-formado pode se voluntariar para 1 ano de serviço militar nos hospitais do exército.

Esse serviço voluntário tem como uma vantagem a possibilidade de congelar a vaga da residência, caso tenha sido aprovado, até o término do serviço. Além disso, a remuneração é boa e o conhecimento adquirido no final é grande.

Outra opção é fazer um concurso médico para o Exército, Marinha ou Aeronáutica. Assim, você inicia uma carreira militar, possuindo patente e evoluindo dentro desse ambiente. 

 

Então, muitas vezes é importante seguir seu coração e deixar de ouvir o que a multidão quer que você faça.

Se você não se sente preparado para uma residência nesse momento, não se culpe. Sua hora vai chegar! O importante é não deixar a peteca cair e não parar de estudar. Trabalhar um ano pode ser muito enriquecedor! Então mergulhe nessa jornada, caso seja o que você queira.

 

Ah, e caso você precise de uma ajuda nessa organização de estudos para residência + trabalho, nada melhor que a Mentoria Residência para te auxiliar! Entre no link e faça parte dos 5%!

 

E já ia me esquecendo! De nada adianta querer levantar uma grana e não saber aproveitá-la da maneira correta! Então não perca esses posts para te ajudar nesse mundo financeiro:

Espero ter ajudado e até o próximo post,

 

Dani Brito

Isso fez sentido pra você? Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Digite o email em que você quer receber o Checklist: